Ibiporã

Postado dia 22/05/2013

Prédio novo da biblioteca pública precisa passar por reforma

obra foi utilizada durante três meses
Júlio Dutra, secretário de Cultura

Mesmo construído em 2009, ao custo de aproximadamente R$ 740 mil, a população de Ibiporã está impedida de utilizar o prédio da Biblioteca Pública. Na verdade, desde sua entrega, o prédio foi usado durante apenas três meses.

O problema é que, ainda em 2009, depois dos 90 dias no novo espaço, bastou uma tempestade para revelar a situação do imóvel, que acabou interditado pelas autoridades.

Com as fortes chuvas daquele período, houve infiltração no prédio, o forro de gesso ficou destruído, as portas apodreceram, paredes mofaram, com algumas rachaduras no imóvel e o risco de desabamento, provocando a interdição do local.

Sem o novo prédio, a prefeitura de Ibiporã teve que alugar outro imóvel ao custo de R$ 1.5 mil. O município também resolveu acionar na Justiça a construtora por causa da falha na construção da biblioteca.

Segundo o secretário municipal de Cultura, Júlio Dutra, o imóvel construído em 2009 além de abrigar a biblioteca pública iria abrigar também o terminal do estudante. Sem um espaço adequado, inclusive equipamentos já doados pelo governo federal estão espalhados pelas secretarias de Cultura, do Trabalho e da Assistência Social, atendendo a outros projetos.

Sem prazo para solução do problema envolvendo a necessidade de reforma do novo prédio da biblioteca pública, o secretário Júlio Dutra diz que são várias pessoas e órgãos envolvidos com a questão, como município, construtora, fiscalização e a própria pasta da Cultura.

Segundo ele, da parte da Secretaria Municipal da Cultura, o prédio havia sido recebido porque a obra estava praticamente paga e naquela época, em 2009, entendia-se que houvesse a devida fiscalização e cuidado com a construção. No entanto, com as chuvas, intempéries e a utilização do espaço, constatou-se a real situação do imóvel, comenta Dutra.


comente esta matéria »

Copyright © 2010 - 2021 | Revelia Eventos - Cornélio Procópio - PR
Desenvolvimento AbusarWeb.com.br