Ibiporã

Postado dia 17/04/2013

Vereador Orlando Ferreira condena casamento "homofóbico"

do Bonde

O vereador Orlando Ferreira (PSC) usou o plenário da sessão de segunda-feira (15) da Câmara Municipal de Ibiporã para disparar contra a união estável entre pessoas do mesmo sexo. O parlamentar, do mesmo partido do deputado e pastor Marco Feliciano, se disse "cristão" e afirmou que não pode aceitar relação amorosa entre dois homens ou duas mulheres. As informações são do portal Tudo Ibiporã.

"Sou obrigado a dar minha opinião sobre a notícia de que os cartórios do Paraná já estão aptos a realizar casamentos homofóbicos", disse o vereador. Confuso, o parlamentar usou a expressão "homofóbicos", utilizada para nominar quem tem preconceito contra homossexuais, no lugar de "homoafetivos".

Ferreira afirmou que a união homoafetiva vai contra os preceitos encontrados na bíblia e, por isso, não pode ser aceita pela sociedade. Como uma criança adotada apenas por homens ou apenas por mulheres vai ser criada? Sem a figura do pai ou da mãe? Biblicamente, isso é condenado pela palavra de Deus", criticou.

Outros vereadores fizeram coro às declarações de Ferreira. Roberval Ferreira (PMDB) se disse "triste" com a situação. Daniel Sarábia (DEM) afirmou que não ia querer ser convidado para ir a um casamento homoafetivo. (com informações do portal Tudo Ibiporã)


Copyright © 2010 - 2019 | Revelia Eventos - Cornélio Procópio - PR
Desenvolvimento AbusarWeb.com.br